Nova Mesa Diretora será responsável pela gestão da instituição nos próximos dois anos

 

Foto: SupCom ALE-RR

Por 15 votos a oito, a chapa liderada pelo deputado Jalser Renier (SD) foi eleita para compor a Mesa Diretora que conduzirá os trabalhos da Assembleia Legislativa no biênio 2019/2020. Pela primeira vez, a votação foi aberta, em cumprimento a uma decisão judicial.

Jalser Renier concorreu com o deputado Soldado Sampaio (PCdoB), que lançou candidatura avulsa, conforme previsto no Regimento Interno. O deputado Jânio Xingu (PSL) foi eleito vice-presidente, concorrendo com o deputado Gabriel Picanço (PRB), também por 15 votos a oito.

Para os demais cargos, foram eleitos: deputado Jeferson Alves (PTB) como segundo vice-presidente, Odilon Filho (Patriota) como terceiro vice-presidente, Chico Mozart (PRP), Marcelo Cabral (MDB), Catarina Guerra (Solidariedade) e Lenir Rodrigues (PPS) como primeiro, segundo, terceiro e quarto secretários, respectivamente, além de Renato Silva (PRB) como corregedor.

O presidente da Assembleia Legislativa destacou em seu discurso de posse que a gestão ampliará os serviços prestados à população para outros bairros e municípios. Ao fazer uma retrospectiva das ações implementadas, Jalser ressaltou a efetivação da TV Assembleia, que aproxima ainda mais o povo do Poder Legislativo. Ele destacou ainda que a Educação continuará sendo uma das suas prioridades, por entender que se trata de investimento fundamental para o crescimento do Estado.

Jalser deixou claro que a presidência buscará a harmonia entre os Poderes e que não criará obstáculos que impeçam a governança. “Não seremos o presidente da bancada de apoio ao Governo e nem da oposição radical. Seguiremos firmes no propósito de trabalhar conforme a vontade da maioria, atuando com autonomia e independência para que as propostas sejam apreciadas e encaminhadas de acordo com os resultados positivos para o povo”, observou.

YANA LIMA

SupCom ALE-RR