A denúncia foi feita à Comissão, no mês de maio, pelos próprios pais dos alunos.

Após os membros da Comissão de Educação, Desporto e Lazer, da Assembleia Legislativa de Roraima (ALERR) analisarem e buscarem soluções para a falta de professores na Escola Estadual Manoel Agostinho de Almeida, localizada na Vila Antônio Ribeiro Campos, na região de Campos Novos, município de Iracema, a 93 km de Boa Vista, tudo indica que o problema foi solucionado, fato que será comprovado, na prática, durante visita a unidade de ensino que ocorrerá na próxima semana.

A denúncia foi feita à Comissão, no mês de maio, pelos próprios pais dos alunos. No documento eles expuseram que faltavam professores para preencher as cadeiras das disciplinas de biologia, geografia, português, espanhol, educação física e educação especial.

Os pais denunciaram também que faltavam pessoal de apoio, merenda escolar de qualidade, iluminação elétrica, material didático, além de outras necessidades. A preocupação dos pais à época era porque já estava finalizando o primeiro bimestre do ano letivo.

Conforme explicou a presidente da Comissão, deputada Lenir Rodrigues (PPS), os membros se reuniram e de imediato designaram o deputado Evangelista Siqueira (PT) para verificar a situação junto à Secretaria de Estado de Educação e Desportos (SEED).

“Naquela época em que estavam faltando lotar professores do seletivo e fazer uma nova chamada, os pais vieram até a Assembleia reclamar que a escola não tinha todos os professores. O deputado Evangelista Siqueira, após as tratativas com a Secretaria de Educação, informou à Comissão que já está tudo certo, e que não faltam mais professores”, explicou.

Apesar de a resposta da SEED ser resolutiva, na próxima semana, disse a deputada, os membros vão visitar a escola. “Vamos fazer uma diligência na escola para saber se a comunidade foi totalmente atendida, e se há alguma coisa que eles ainda estão com deficiência”, esclareceu a parlamentar.

Por Marilena Freitas

SupCom/ALE-RR